Uma Rosa Com Amor: Quem é quem

Última atualização: 31/01/2017 às 22:04

Principais personagens:

Serafina Rosa (Carla Marins)
Uma moça romântica que sonha em casar, mas sofreu uma grande desilusão no passado: foi abandonada pelo noivo às vésperas do casamento. O trauma foi tão forte que ela se recolheu durante muito tempo. Aparentemente mal-humorada, veste-se de um jeito que esconde sua beleza. Ela é chamada de Fina ou Serafina pelo pessoal do cortiço. Na construtora onde trabalha é chamada de Rosa. Para esconder sua imensa solidão das colegas de trabalho, ela manda uma rosa para si mesma, todos os dias, com uma dedicatória: “Uma rosa com amor”. Entra em desespero ao saber que o pessoal do cortiço onde mora está ameaçado de despejo. Seu amor por Claude parece extremamente improvável no início. Aceita a proposta de casamento de aparências para salvar a família e o pessoal do cortiço do despejo. Com o tempo, ela descobre que está perdidamente apaixonada por Claude.


Claude Antoine (Claudio Lins)
Francês, honesto, elegante, empresário, que tem planos na área de construção para o Brasil. Planeja construir habitações populares para melhorar a vida de favelados e moradores de cortiços em São Paulo. A vida de Claude pode mudar radicalmente se ele conseguir fechar um contrato de
US$ 10 milhões com uma poderosa firma dos americanos Mr. e Mrs. Smith. Claude precisa conseguir visto de permanência para obter esse investimento na sua construtora. Sem desconfiar, Claude vai sofrer por conta da traição de seu sócio brasileiro, Egídio, pai de sua noiva Nara. Claude tem dificuldades crescentes para conseguir o visto. Para resolver o problema, Claude faz um casamento de aparências com sua secretária Serafina Rosa para conseguir seu registro nacional de estrangeiro residente no Brasil. A princípio, ele tem aversão a Rosa e ao casamento.


Giovani Petroni (Edney Giovenazzi)
Italiano, conservador, dedicado chefe de família. É o pai de Serafina Rosa e de dois jovens temporões, Terezinha e Dino. Com a esposa Amália, mantém um relacionamento maduro, de amor e companheirismo. Vigia os filhos quase o tempo todo. Gosta de dar broncas, mas ao mesmo tempo é um pai afetuoso. Teme pela situação dos inquilinos do cortiço, que podem ser despejados se ele não conseguir dinheiro para comprar a propriedade. Giovani tem dificuldades em aceitar o casamento de Serafina Rosa e Claude por dinheiro. Prefere ver a filha eternamente solteirona que casada dessa forma.


Amália Petroni (Betty Faria)
Também de origem italiana, ela tem um leve sotaque no modo de falar. É a própria “mamma” italiana, sempre preocupada e carinhosa com os filhos. É o tipo de mãe que todos gostariam de ter. Ela e Giovani têm uma relação de muita cumplicidade, amor e companheirismo. Apesar das diferenças, completam-se perfeitamente. Preocupa-se com a situação dos moradores do cortiço ameaçados de despejo. Boa mãe, boa esposa, boa amiga, é Amália quem carrega nos ombros a família e o cortiço.


Terezinha (Sabrina Balsalobre)
Irmã mais nova de Serafina Rosa, linda e meiga. Namora Milton, com quem pretende casar em breve, depois que ele terminar a faculdade de odontologia. Os dois enfrentam muitas dificuldades. Giovani, pai de Terezinha, aprova o namoro, mas controla o casal. Exige um namoro “à moda antiga”, com constante vigilância da família. Terezinha é apaixonada pela família. Aceita as condições do pai para o namoro e defende seu jeito e a família com unhas e dentes.


Dino (Bruno Bezerra)
Irmão mais novo de Serafina Rosa, Dino vai enfrentar todos os problemas de um adolescente que sonha ter mais do que tem e encontra dificuldades para encontrar seu caminho.


Pimpinoni (João Acaiabe)
Pimpinoni é um artista popular, batalhador, que faz teatro de rua. É ator, cantor, ventríloquo, compositor, uma grande pessoa, de caráter maravilhoso. É sábio e tem um coração bondoso. Ele sente que tem a missão de espalhar alegria e amor pelo mundo. Com grandes habilidades de ventríloquo, ele dá vozes a bonecos, cantando e contando histórias, sempre de forma genial. É grande amigo e confidente de Serafina Rosa, a quem ama muito, por ter visto crescer e conhecê-la como ninguém.


Joana (Lúcia Alves)
Foi atriz no passado. Apaixonou-se pelo ator Rodolfo, que era a grande paixão da sua melhor amiga Roberta, que era muito jovem. Na época, ela engravidou de Rodolfo e teve Sérgio. Foi obrigada a deixar a carreira para cuidar do filho sozinha, porque seu parceiro morreu pouco depois. Para sobreviver, começou a costurar vestidos para noivas, peças de teatro e estilistas de alta costura. Fica muito abalada quando Sérgio decide seguir a carreira de ator, que conhece e se apaixona por sua ex-amiga da juventude, Roberta, que se tornou uma atriz famosa.


Afrânio (Nilton Bicudo)
Fanho, muito engraçado, morador do cortiço, garçom, tipo popular, solteirão, completamente apaixonado por Serafina, mas não é correspondido por ela. Afrânio vive se desentendendo com Pepa, com quem arma os maiores barracos do cortiço.


Antonieta (Etty Fraser)
Cozinheira, faz festas e salgadinhos. Também moradora do cortiço, sofre com a possibilidade de despejo. Esconde um passado misterioso, de que não gosta de falar a ninguém. É uma pessoa muito solitária e participa ativamente tanto das fofocas como dos barracos no cortiço. Avó de Miriam e Joãozinho.


Pepa (Jussara Freire)
Todo cortiço tradicionalmente tem uma fofoqueira. E a rainha das fofoqueiras do cortiço de “Uma Rosa com Amor” é Pepa, faxineira, que trabalha como diarista. Ela está sempre se metendo na vida dos outros. Adora fazer intrigas e criticar as atitudes alheias. Está sempre de olho na vida das filhas de Giovani Petroni. Briga constantemente com Afrânio, mas acabará por se envolver com ele.


Colibri (Elam Lima)
Morador do cortiço, ele é um jovem ator mambembe, grande amigo de Pimpinoni.


Joãozinho (João Pedro Carvalho)
Neto de Antonieta. Irmão mais velho de Miriam, 9 anos.


Miriam (Pietra Pan)
Neta de Antonieta. Irmã mais nova de Joãozinho, tem 8 anos


Frazão (Toni Garrido)
Advogado, melhor amigo, confidente e conselheiro de Claude. Espirituoso, irônico, Frazão é dotado de um delicioso senso de humor. Perde o amigo, mas não perde a piada. Principalmente quando o assunto é o casamento de Claude com Serafina Rosa. Tem sempre uma solução na manga para todos os problemas da empresa e também para os dilemas pessoais de Claude. É ele quem faz a aproximação entre Claude e Serafina Rosa e dá força para que a relação dê certo. Frazão é o primeiro a desconfiar de Nara e Egídio e do golpe que estão tramando.


Freitas (Renato Scarpin)
Advogado, extremamente inteligente e culto. Freitas é homem respeitável, sábio, educado, verdadeiramente erudito, entende tudo de Direito e leis. É advogado da construtora, tira dúvidas de Claude, sempre que necessário.


Mr. Smith (Roberto Arduim)
Americano, rico, investidor, casado com Mrs. Smith, quer investir US$ 10 milhões em uma construtora no Brasil e pensa em fechar o negócio com a empresa de Claude. É muito cauteloso e precisa ter certeza de que seu dinheiro estará seguro e bem empregado. Mr. e Mrs. Smith vêm ao Brasil para pesquisar Claude e suas condutas antes de investirem. Quando Rosa casa com Claude, o casal é obrigado a encontrar várias vezes com Mr. e Mrs. Smith, fingindo que são de fato marido e mulher, não apenas de aparência.


Mrs. Smith (Maria Claudia)
Americana, rica, bela, poderosa e conservadora. Impõe diversas condições para que se assine o contrato com Claude. Quer saber tudo sobre ele, a vida dele, sobre seu comportamento, sobre a construtora e sobre o plano de negócios. Sem saber, interfere muito positivamente na vida de Claude e Rosa, que são obrigados a fingir que são mesmo marido e mulher para assegurar que ela concorde com o investimento.


Janete (Joana Lima Verde)
Bonita, trabalha ao lado de Serafina Rosa. No decorrer da novela, deverá namorar Antoninho, a quem confundirá eventualmente com seu gêmeo Hugo, em situações de comédia.


Gurgel (Daniel Uemura)
Funcionário da construtora, bonito, competente, amigo de Serafina Rosa e Janete. Arquiteto, bem educado, descolado e elegante, está em busca de boas oportunidades na vida.


Silvia (Vanessa Kseib)
Recepcionista da construtora, jovem bonita e discreta, amiga de Serafina Rosa e das outras funcionárias.


Egídio (Carlo Briani)
Sócio de Claude na construtora. É o grande vilão da novela. Teoricamente engenheiro, nunca construiu nada na vida. Pai de Nara, usa a filha para tentar se apoderar da fortuna que Claude está para receber da empresa do milionário americano Mr. Smith.


Nara Paranhos de Vasconcellos (Mônica Carvalho)
É a grande vilã cômica da novela, rival de Serafina Rosa. Noiva do protagonista Claude, Nara é uma belíssima mulher, com dois filhos adolescentes, Beto e Raquel. Nara trama com seu pai Egídio o casamento com Claude para se apossar de sua fortuna, da mesma forma que fez no passado com o seu ex-marido Carlos, pai de seus filhos. Travará com Serafina Rosa muitas batalhas pelo amor de Claude. Nara não pode se casar com ele enquanto não conseguir o divórcio de seu ex-marido, que desapareceu para não pagar pensão. Gosta de Claude, mas está interessada mesmo pelos US$ 10 milhões que acredita que Claude irá receber.


Beto (Fábio Rhoden)
Filho de Nara, rapaz bonito. Aparentemente um rebelde sem causa, mas com motivos para sua rebeldia. Beto sofre porque se sente abandonado pelo pai, que foi embora quando ele ainda era pequeno. É carente da atenção da mãe. Não gosta da ideia de ter outro homem dentro de casa e faz tudo para afastar Claude de Nara. Desconfia que é adotado ou que sua mãe traiu seu pai.


Raquel (Marina Stacciarini)
Filha de Nara, adolescente, procura não se envolver com as confusões da mãe, do irmão e do avô, mas acaba atingida por elas. No início, é namorada de Sérgio, mas depois conhece Milton e se apaixona por ele, até então noivo de Terezinha. Compõe o triângulo adolescente da trama.


Elisa (Marcia Kaplun)
Empregada da casa, muito bonita, fica amiga de Beto, que se engraça com ela o tempo todo. Elisa se faz de difícil, mantém a compostura e a linha para se afastar das graças e propostas de Beto.


Roberta Vermont (Isadora Ribeiro)
Belíssima atriz de sucesso e carreira internacional. É uma das melhores amigas de Claude. Tenta ajudar o amigo a se livrar da arapuca que se envolveu com Nara e Egídio. Sempre em busca de autopromoção, ela gosta de paparazzi, notícias e notas sobre ela. Roberta acaba se envolvendo amorosamente com o ator Sérgio, homem mais jovem que ela e de outra classe social. Sérgio é filho de Joana, costureira moradora do cortiço, antiga rival de Roberta.


Alabá (Patrícia Dejesus)
Empresária de origem africana, muito bela, poderosa, trabalha com Roberta. Fala yorubá. Reverencia tradições étnicas africanas. Tem orgulho de ser negra e é muito linda. É uma mulher exuberante, tão sensacional que acaba sendo convidada para trabalhar como atriz de cinema.


Ercy (Ana Carolina Lima)
Rica e socialite, amiga de Nara e Roberta. Fofoqueira, adora fazer uma intriga e se meter na vida dos outros. Ercy está sempre à espera de um deslize social de algum figurão para espalhar o babado para toda a alta sociedade.


Alzira (Gisele Fraga)
Amiga de Ercy e Roberta, também faz parte do núcleo das mulheres ricas. Adora uma boa fofoca, uma bela produção. Faz o tipo “loba”, mulher independente que namora quem quer sem se apegar.


Sérgio (André Cursino)
Filho de Joana, belo e jovem galã. Torna-se ator, fascinado pelas histórias que a mãe contava. No trabalho, conhece a famosa atriz Roberta Vermont e se envolve com ela, com quem viverá um caso de amor complicado por diversas circunstâncias, além das diferenças de idade e classe social.


Ninica (Luciana Vendramini)
Amiga rica de Ercy e Alzira. Bela e elegante mulher, alegre, divertida, ingênua, cerebral e intelectual. Durante a novela, começa a namorar Hugo, gêmeo de Antoninho, e às vezes confunde um gêmeo com o outro.


Milton (Felipe Lima)
Noivo de Terezinha, muito bonito, de classe média. Planeja se casar por pressão da família dela, especialmente do pai, Giovani. Os dois já montam o enxoval para que possam subir no altar depois que ele se formar em odontologia. Sente-se um pouco superior aos moradores do cortiço por conta da futura profissão. No decorrer da novela, se interessa por Raquel, filha de Nara, e desperta o ciúme de Terezinha.


Catarina (Clarisse Abujamra)
Mãe de Milton. Vive da pensão do falecido marido. De classe média, ambiciosa, não aceita o namoro do filho com Terezinha, pois a garota mora em cortiço. Quando Milton conhece Raquel, da família Paranhos de Vasconcellos, ela fica a favor do namoro dele com a moça rica. É a sogra víbora da infeliz Terezinha, irmã de Serafina Rosa.


Cleide (Greta Antoine)
Filha de Catarina, a alpinista social. Namorou Sergio, filho de Joana. Foi enviada ao exterior pela mãe, que não queria o relacionamento da filha com o morador do cortiço.


Antoninho (Rubens Caribé)
Gêmeo de Hugo, que não conhece. Criado como irmão de Milton, é o advogado que é consultado por Giovani, Serafina Rosa e os moradores do cortiço. Não tem a menor ideia que existe um gêmeo idêntico a ele em São Paulo.


Hugo (Rubens Caribé)
Artista, diretor de TV e cinema, vivido pelo mesmo ator que interpreta Antoninho. Os dois não se conhecem, já que um deles foi trocado na maternidade por outro bebê, que faleceu. Leva sustos porque às vezes é confundido com Antoninho e não entende nada quando isso ocorre. Enquanto seu irmão é “certinho”, anda de terno e gravata, Hugo tem visual descolado.


Dádi (Mila Ribeiro)
Boa gente, empregada de Claude. É muito simpática, excelente cozinheira, sorridente e alegre.

Veja também:
Uma Rosa Com Amor: Romantismo e Comicidade

Veja também